segunda-feira, 5 de maio de 2014

OSCAR: Melhor Atriz Principal - 2012






Jennifer Lawrence
O Lado Bom da Vida
(Silver Linings Playbook)
★ ★   

Visão Geral: Jennifer Lawrence está divertidíssima em O Lado Bom da Vida. Talvez, na primeira assistida, ela cause realmente uma adoração maior que ao se repetir vai perdendo um pouco do brilho, mas não dá pra não deixar de gostar. No filme, que é uma das melhores comédias românticas dos últimos tempos, Jennifer interpreta Tiffany, uma jovem viúva com tendências ninfomaníacas.  Todos os momentos da personagem com Bradley Copper são deliciosos de assistir. Jennifer Lawrence é um dos talentos mais interessantes que apareceu recentemente, talvez sua carreira precise de um rumo diferente pra que ela realmente mereça novas indicações, mas as duas que ela recebeu nesta categoria são muito merecidas.



Jessica Chastain
A Hora Mais Escura
(Zero Dark Thirty)
★ ★   

Visão Geral: Em 2012, pelo menos pra mim, a vitória de Jennifer Lawrence era certa. Depois que sua concorrente de maior peso, Jessica Chastain, perdeu a força com a polêmica de seu filme, ela passou a ser a única possível ganhadora. Muitos na época defendiam a vitória de Emmanuelle Riva, mas conhecendo a Academia como conhecemos, isto estava fora de questão. Levou mais de 45 anos para que eles dessem um segundo óscar para uma performance em língua estrangeira, e mesmo assim isso aconteceu com atrizes que teriam chance de se destacar em Hollywood, Riva não tinha. O óscar com certeza estaria em melhores mãos com Jessica Chastain, mas como ela é um dos grandes nomes do cinema atual, é possível prever mais um bocado de indicações a essa novata, porém madura atriz.

A Hora Mais Escura é uma conquista magnífica de Kathryn Bigelow. Um filme que na mão de outro diretor, seria mais um entre tantos outros filmes patriotas, nas mãos da diretora se tornou um filme multigênero totalmente imparcial e alucinante. Então, além de estar no melhor filme entre os cinco, Jessica Chastain também tinha o papel mais desafiador: como dar vida a mulher que dedicou a seus dias a encontrar e matar o maior terrorista da história? Jessica se entrega a sua personagem, talvez não esteja perfeita em todos os momentos, mas marca em todas as suas cenas, até as mais silenciosas. As lágrimas finais encerram com chave de ouro esta ótima atuação de uma atriz que provavelmente terá mais de um óscar em casa.



Naomi Watts
O Impossível
(The Impossible)
★ ★   

Visão Geral: Não sou muito chegado a filmes sobre catástrofes, mas O Impossével é um que eu gosto bastante de assistir. Naomi Watts é uma ótima atriz que em 2012 estava em sua segunda indicação, mas pra uma atriz que tem Cidade dos Sonhos no currículo, isto parece bastante absurdo. Naomi conta com um inspirado ator mirim e um sempre ótimo Ewan McGregor pra dar aqui sua segunda melhor performance em minha opinião. É impossível não se comover com sua personagem, mesmo ela sendo centrada e madura, Naomi é capaz de nos mostrar o lado mais frágil dela. Esta é outra atuação que se ganhasse, eu não me importaria, mesmo não sendo minha favorita entre as indicadas.




Quvenzhané Wallis
Indomável Sonhadora
(Beasts of the Southern Wild)
★ ★   

Visão Geral: 



Emmanuelle Riva
Amor
(Amour)
★ ★   

Visão Geral: Michael Haneke é um diretor que eu adoro. Talvez Amor seja o filme que eu menos goste dele, mas ainda sim é um bom filme. O filme não é pretensioso como alguns fazem parecer, pra mim é uma simples e pura mensagem de amor e aceitação da morte. Emmanuelle Riva está poderosa no silêncio de sua personagem, nos encanta com cada olhar, nos faz querer cuidar dela com cada expressão... A cena que escolhi para o vídeo acima é tão majestosa que não dar a vitória a Riva se tornou algo impossível. Sempre tenho um fraco por atrizes que são capazes de serem simples, porém poderosas, e em Amor, Riva é um grande exemplo disso.



Ranking dos filmes:
Zero Dark Thrity ★★★★
Silver Linings Playbook ★★★½
Amour ★★★½
Beasts of the Southern Wild ★★★½
The Impossible ★★★

Nenhum comentário:

Postar um comentário